Varicocele e Infertilidade. Quais são as recomendações atuais?

varicocele infertilidade azoospermia

Nesse segundo post, vamos falar sobre um problema muito frequente no consultório do urologista, a varicocele.

Estima-se que 15% dos homens apresentem o diagnóstico de varicocele. Mas, quando falamos de homens com problemas de fertilidade, até 40% apresentam varicocele, sendo essa a causa mais frequente de infertilidade masculina.

Coloco abaixo as dúvidas mais frequentes sobre a varicocele em casais com problemas de fertilidade.

O que é varicocele e como ela causa infertilidade?

Varicocele é a dilatação das veias do testículo, ela ocorre mais comumente no testículo esquerdo, mas pode também aparecer à direita ou bilateralmente. Com essa dilatação venosa, o sangue fica represado, ocasionando um aumento da temperatura do testículo e a produção de radicais livres de oxigênio, esses dois fatores causam alteração na produção de espermatozóides pelo testículo, geralmente mostrando alterações no espermograma na concentração, na mobilidade e/ou na morfologia dos espermatozóides.

Como é diagnosticada a varicocele?

O diagnóstico da varicocele é clínico, ou seja, é feito pela palpação das veias do testículo por um médico habilitado. Em alguns casos de dúvida diagnóstica, a ultrassonografia com doppler pode auxiliar no diagnóstico.

Uma vez diagnosticada a varicocele, o tratamento é sempre indicado?

Nem sempre. A recomendação mais atual é que sejam tratados os homens com varicocele palpável, infertilidade e alteração de espermograma, incluindo aqui os que têm varicocele e azoospermia não obstrutiva.

Os que tenham varicocele diagnosticada apenas no ultrassom, sem alteração de fertilidade ou de espermograma não precisam ser tratados.

Outras indicações de tratamento podem ser dor e diminuição do volume do testículo.

Qual é a melhor forma de se tratar a varicocele?

O melhor método atualmente de tratamento da varicocele é a cirurgia com pequena incisão na virilha (técnica subinguinal) e com uso de microscópio. Essa é a técnica com maior chance de sucesso, menos complicações e menor taxa de recorrência da varicocele. Essa técnica apresenta 1 a 2% de recorrência, contra 15% da técnica mais antiga em que não se usa o microscópio. Essa técnica também tem melhores resultados que a embolização percutânea. A cirurgia laparoscópica também é uma opção, porém menos utilizada em nosso meio.

E como eu sei se a cirurgia teve bom resultado?

Após a cirurgia deve-se realizar um novo espermograma em 3 a 6 meses. A melhora no espermograma ocorre em 50 a 70% dos casos, com taxa de gravidez que pode chegar a até 60% segundo estudos recentes.

Aguardo mais dúvidas de vocês nos comentários.

#urologia #infertilidade #varicocele #azoospermia #espermograma

Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Nenhum tag.
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square